Postagens

Evite o primeiro gole

Imagem
Recentemente, me tornei amiga de uma irmandade internacional sem fins lucrativos chamada “Alcoólicos Anonimos”, cujo objetivo principal é o alcance e a manutenção da sobriedade dos seus membros. Os AA surgiu em 1935 nos Estados Unidos e tem auxiliado milhares de pessoas em todo mundo. Uma das premissas é a confidencialidade, o sigilo, ou seja, apesar de ouvirmos relatos maravilhosos, o que acontece nas reuniões de AA não pode ser dito do lado de fora. Os ensinamentos do AA são riquíssimos e se aplicados na vida de qualquer um, independente da questão eles realmente transformam vidas. Em cada reunião é um novo aprendizado sobre o outro e sobre mim. Na última reunião que compareci, fiquei observando uma frase que piscava o tempo todo “evite o primeiro gole”.
"Todos nós temos um primeiro gole a evitar, o gole da internet, do julgamento, dos relacionamentos abusivos, da dívida, reclamação, traição,fofoca, discussão, preguiça, bagunça, da compulsão alimentar etc. Se o primeiro gole fo…

Acolhendo os nossos sentimentos

Imagem
Conversávamos a respeito de sua revolta, quando disse: - Assim como o amor, a revolta é um sentimento e geralmente está ligado a autopiedade e a injustiça. Como se dissesse:  - Eu não merecia passar por isso. Todos os sentimentos são importantes e merecem ser expressados: a confiança, o medo etc.A gente não tem que se privar do contato com os nossos sentimentos.  Há quem defenda a ideia de que pessoas fortes não choram e não demonstram o que sentem, quer seja um sentimento bom ou ruim. Como se existisse classe inferior e superior para os sentimentos. "Precisamos acolher o que estamos sentindo, pois todos sentimentos são importantes para o nosso crescimento". Exemplo. Está sentindo raiva? Acolhe, acolhe a raiva, questione a origem dessa raiva. Porque estou com tanta raiva? Porque essa raiva está tão forte no meu coração neste momento? Estou com raiva da situação em si, de outra pessoa ou por ter me colocado nessa situação? Quando foi que experimentei esse sentimento com a mesma inten…

Desespero humano

Imagem
Quando sinto vontade de escrever, é tão forte que não consigo fazer nada sem antes atender ao chamado. Ontem estava na internet fazendo umas coisas, quando abri o Facebook e li a mensagem triste com a notícia da morte do filho de uma antiga amiga. Um lado meu desejava saber a causa, mas outro dizia que perguntar ofenderia a informante. Pensei o que poderia acontecer se eu perguntasse, pesei os prós, os contras e decidi perguntar. - Ele se matou. Respondeu. Quando dei a notícia para minha mãe, ela perguntou porque ele fez isso.
- O desespero humano. Ninguém se mata por estar muito feliz, realizado. Ninguém em sã consciência acorda pela manhã e diz: "Hoje estou tão feliz que vou me jogar na frente de um carro!" Não sei como aconteceu, mas a ideia do suicídio é recorrente até chegar ao ato.  Outro dia quando cheguei na casa do meu primo, estava ele e família com os olhos arregalados na sala enquanto na cozinha, a panela de pressão espirrava feijão por todo lado. Ensinei a eles o que…

Sobre comparação

Imagem
Era um lindo dia de sol. Estava no consultório esperando uma cliente quando me veio um pensamento.
Olhando para o mar da janela a uma certa distância, parece que ele está imóvel em relação aos veículos, pedestres e pássaros que o sobrevoam.
Fiquei observando por um longo tempo, até que passou um barco provocando a formação de tímidas ondas. Só assim pude perceber o movimento das águas. Da mesma forma acontece conosco. Ás vezes nos comparamos aos outros e parece que nada está acontecendo. Chegamos a pensar que estamos desperdiçando energia e nada acontece. Podemos não ver, mas a água do mar não é parada e muito menos a nossa vida. De vez em quando é necessário passar um barquinho para nos despertar. A nossa ansiedade nos cega de tal forma que não somos capazes de perceber além de outras espécies, a dança do imenso cardume que existe em meio ao mar de desafios que enfrentamos diariamente.

Sobre bagagens

Imagem
Em 2010 após participar de um Congresso em São Paulo, cheguei no aeroporto, despachei a minha mala, embarquei, mas após o desembarque no Santos Dumont - Rio de Janeiro, fui informada de que a minha mala havia sido extraviada.

Fiquei muito chateada por lembrar das minhas roupas, além de tanto material que juntei durante o Congresso (livros, brindes, certificados etc). Tudo ficou na mala. E agora? 

Após os procedimentos burocráticos, com as mãos abanando segui para casa com o sentimento de falta e de alívio.  Achei muito estranha a confusão de sentimentos. Quando percebi que o sentimento de alívio era mais forte, me questionei: - Porque estou aliviada se perdi todas as minhas coisas? Não encontrava resposta, mas lembrei de quanto a mala estava pesada. Na vida acontece igual, acumulamos coisas, pessoas e sentimentos nocivos e na hora que nos damos conta, estamos aprisionados pelo nosso apego. A mala não apareceu e eu descobri que assim como achava que não poderia viver sem ela, essa expe…

Vítimas da Síndrome de Alienação Parental

Imagem
Certa vez ouvi alguém dizer que casar é como colar dois papéis e a separação seria como descolar esses papéis depois de algum tempo colados. Impossível descolá-los sem prejuízos de ambos os lados. Ainda se tiver outros papéis envolvidos então, a dificuldade aumenta.      Durante a semana, que um vendedor brasileiro condenado a 27 anos de prisão foi absolvido após mais de 1 ano recluso, acusado de abuso sexual contra os seus filhos. O desfecho da história se deu quando os filhos depois de anos, confessaram que a acusação era falsa e que na ocasião, eles foram obrigados a mentir, pela mãe.
"Eu, quando criança, era ameaçado e agredido para mentir sobre abusos sexuais", disse o filho do acusado. De acordo com Amendola, a Síndrome da Alienação Parental (SAP) foi postulada por Gardner sendo um distúrbio que surge, no contexto da separação litigiosa. Os filhos formam uma aliança com o genitor guardião provocando o afastamento do outro através de "lavagem cerebral" cont…

Não é só doce

Imagem
Zeitgeist é uma palavra alemã traduzida para o português como espírito da época, espírito do tempo. De acordo com o meu entendimento, Zeitgeist significa que tudo o que existe foi criado no seu tempo, na sua hora. Dei essa volta toda porque faz algum tempo, uns 2 meses mais ou menos que comecei a escrever sobre esse tema, mas senti que não era a hora de publica-lo. Pensei em fazer na primeira semana do retorno das aulas, mas esqueci. Hoje recebi uma mensagem de uma amiga com quem dividi a minha angústia e senti que essa era a hora.  Na mensagem, uma profissional de saúde dizia que na emergência onde trabalha em Nova Friburgo,  atenderam três crianças com os sintomas de: *Intoxicação  *Falta de ar *Vômitos *Queda da pressão *Aumento da frequência cardíaca *Tosse incessante *Sangramento nasal *Alteração neurologia ( andar, fala, movimentos).
Pode dizer que é um caso isolado, mas a prevenção ainda é o melhor dos remédios.  Após ouvir alguns relatos, assistir vídeos feitos por crianças n…